Bolsa Família: saiba como consultar e os valores disponíveis

O Bolsa Família é um benefício pago mensalmente para famílias em situação de vulnerabilidade social, com um valor mínimo de R$600. O programa tem o objetivo de contribuir com a renda mensal das famílias, auxiliando nas despesas com alimentos e demais contas.

Atualmente, 21,06 milhões de famílias recebem o Bolsa Família, com valores pagos pelo Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome. O valor médio do benefício é de R$680,61, podendo variar de acordo com a composição familiar.

Para ter direito ao benefício, a renda mensal por pessoa da família precisa ser de até R$218. Além disso, é necessário estar inscrito no Cadastro Único (CadÚnico), o que gera um número de identificação social (NIS).

Existem diversas formas de consultar o Bolsa Família, sendo a mais rápida através do CPF. Confira as opções disponíveis para realizar a consulta:

Portal Cidadão da Caixa: Insira o número do seu CPF no login, digite a sua senha utilizada no aplicativo Caixa Trabalhador e Bolsa Família, e selecione “Consulta do benefício Bolsa Família”.
Ministério da Cidadania: Faça uma ligação gratuita para a Central de Atendimento 121 e informe seu nome completo e número do seu CPF.
Cadastro Único: Acesse o aplicativo do CadÚnico, insira seu CPF, digite a senha da conta gov.br e selecione a opção do Bolsa Família.
Caixa: Ligue para o número 111, informe seu CPF e selecione a opção do Bolsa Família.
Vale ressaltar que em todas as opções é necessário utilizar o número do CPF do beneficiário do programa.

Quanto ao valor do Bolsa Família, o Ministério paga mensalmente o Benefício de Renda de Cidadania (BRC) no valor de R$142. A partir de junho deste ano, passou a pagar também o Benefício Complementar (BCO), garantindo que famílias recebam no mínimo R$600. O benefício pode ser complementado, podendo chegar a R$1.278, considerando os adicionais pagos.

O programa ainda conta com benefícios adicionais, como o benefício primeira infância, benefício variável familiar nutrizes e benefício variável familiar. Além disso, o Governo criou a Regra de Proteção, que permite a permanência no programa mesmo que a renda familiar aumente.

Para 2024, o Bolsa Família deve continuar sendo pago, com expectativa de valor reajustado após o aumento do salário mínimo. Para mais informações sobre os valores pagos para o próximo ano, clique aqui.

Por Jamille Novaes, bacharel em Letras Vernáculas pela UESB e pós-graduada em Gestão da Educação pela Uninassau. Atualmente, dedica-se ao FDR e à sua segunda graduação.
Você está numa página segura, caro leitor: conheça detalhes de como cuidamos dos seus dados.